SOCIOLOGIA & OPINIÃO / ANO 9

América do Sul, Brasil,
PÁGINA INICIAL LEIA ANTES! SOBRE O EDITOR TEXTOS DO EDITOR BIBLIOTECA MATERIAIS DE AULAS

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Belluzzo: “Os economistas”


O professor e economista Luiz Gonzaga Belluzzo (saiba mais), consultor da Revista Carta Capital na área, disponibiliza no seu blog um texto bastante interessante sobre o ofício e a prática dos economistas. Vale dar uma olhada nas suas palavras para compreender melhor esse campo de atuação científica.

Resolvi juntar algumas linhas que escrevi a respeito dos economistas, suas  teorias, convicções e previsões. No estouro da crise financeira, as maledicências sobre economistas, suas teorias, crenças e previsões corriaLuiz Gonzaga Belluzzo (imagem reproduzida do sítio http://www.cartacapital.com.br/economia/os-economistas/?autor=13).m soltas, à velocidade da peste nos centros financeiros do mundo. Mas, passado o susto, os que fracassaram em suas antecipações já sobem o tom de suas arrogâncias e voltam a trovejar sua cambaleante sabedoria.

A reputação dos economistas e o prestígio de sua arte de antecipar tendências variam na mesma direção dos ciclos do velho, resistente, mas talvez nem tão surpreendente capitalismo. Quando os negócios vão bem, as previsões mais otimistas são ultrapassadas por resultados formidáveis. É a festança dos consultores: o noticiário da mídia não consegue oferecer espaço suficiente para os profetas e oráculos da prosperidade eterna. Na era da informação a coisa é ainda pior: em tempo real, os meios eletrônicos regurgitam uma fauna variada de palpiteiros e adivinhões. Todos ou ao menos a maioria tratam de insuflar a bolha de otimismo.

.
Continuar leitura…